O Amanhã

O Amanhã

“Por isso, vos digo: não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo, mais do que as vestes?” (Mt 6.25)

Anos atrás uma música de uma conhecida cantora brasileira fez grande sucesso em nosso país. Parte da letra dizia assim: “A cigana leu o meu destino, eu sonhei! Bola de cristal, jogo de búzios, cartomante e eu sempre perguntei: o que será o amanhã? Como vai ser o meu destino? Já desfolhei o mal-me-quer, primeiro amor de um menino…” Essa música que se popularizou em nossa pátria trazia, por trás da animada melodia, conceitos seculares e místicos que estão no coração da cultura brasileira.

O coração humano é inquieto e, por vezes, ouvimos pessoas dizendo: “Ah se eu soubesse o que iria acontecer amanhã…” Por conta desse desejo, muitas pessoas procuram cartomantes, necromantes, tarólogos, jogos de búzios e todo o tipo de videntes/ profetas. E o que encontram? Incertezas, insegurança e frustração. O que muitos não sabem é que, agindo assim, ofendem, contradizem e até mesmo duvidam do que Deus pode fazer em suas vidas.

Sabendo da ansiedade do coração do homem, Cristo Jesus no chamado Sermão do Monte, pregou à toda multidão: “Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal” (Mt 6.34). Ao proferir essas palavras, Jesus estava estabelecendo o tipo de vida que todos desejam, ou seja, sem preocupações quanto ao futuro, sem medo de homens ou de situações ameaçadoras. Mas isso é possível? E a resposta é sim.

Quando olhamos para quem é Jesus – O Supremo Rei do Universo (Hb 1.3-4); para a obra que realizou no passado – O Seu Sacrifício Vicário (Rm 3.24-25); e quando o obedecemos como o Senhor de nossa vida, vivemos abundantemente no presente, mesmo em meio a problemas (Jo 10.10). Tudo isso nos proporciona segurança e traz boas expectativas quanto ao futuro. Ele mesmo reservou um lugar especial para os seus servos (Jo 14.1-3). Em Jesus obtemos toda a segurança necessária e a nossa ansiedade para com o amanhã é profundamente amenizada.

Ao invés de pensar no amanhã e trazer ansiedade para a sua vida hoje, Jesus te convida a fazer algo diferente: “Observai as aves do céu […] Considerai como crescem os lírios do campo […] Não vos inquieteis […] Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça […]” (Mt 6.26-33). Em outras palavras, o que Senhor Jesus está dizendo é que você deve olhar para o que Deus faz em toda a terra, confiar Nele e buscá-lo em todo tempo. Troque seus pensamentos. Tire o foco do que é passageiro e vil por algo que é eterno e verdadeiro e, assim, você terá confiança quanto ao amanhã.

Lucas, no Evangelho que leva o seu nome, trabalhando nessa mesma narrativa de Mateus, relembra as palavras de Jesus: “Não temais, ó pequenino rebanho; porque vosso Pai se agradou em dar-vos o seu reino” (Lc 12.32). Essa palavra do Supremo Pastor de nossa alma traz alento, consolo e segurança quanto ao amanhã. Entenda uma coisa: quanto mais importante for o Reino de Deus para você, menor será a sua ansiedade para com o amanhã. Que venha o amanhã, porque o Senhor do Universo estará lá!

Pr. Fábio B. Coutinho

One Comment

  1. Evangelina

    LEVEI MTO TEMPO , MAS ACHO Q AGORA CHEGUEI Å COMPREENSAO DO Q JESUs QUER NOS TRANSMITIR ——‐ Ele tem em Suas mãos o o nosso futuro, É como sabe mto.mais do que nös, podemos ficar socegadas……………oque vier SERÅ sempre o melhor!!!

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *